Mary Lou na estrada!

Categorias:Brasil
Tags:, ,
Expedição Na Estrada

Em Setembro de 2011 estava com a minha querida Mary Jane em Crixás-GO e conversando com meu amigo Werner Weber falei para ele da minha vontade de viajar com a Mary Lou, que estava parada em Goiânia. Como não poderia ter os dois carros em Crixás, visto que só tinha direito a uma vaga de garagem. Resolvemos então fazer uma troca entre os carros. Isto é, levaria a Mary Jane para Goiânia e a Mary Lou para Crixás.

A distância entre Goiânia e Crixás é de aproximadamente 320 km. Para um carro normal com apenas 4 horas poderia percorrer todo o percurso. Mas para nossos carros que são “especiais” este tempo praticamente duplica.

Era uma manhã de sábado e saímos de Crixás bem cedo para levar a Mary Jane e retornaríamos no domingo a bordo da nossa querida Mary Lou. Era literalmente um “bate e volta”, mas a bordo destas meninas todo sacrifício vale a pena.

Saímos da capital Goiana às 9 horas de uma manhã ensolarada carregado com móveis, televisão e até uma grelha de churrasco. Como de costume, completamos o tanque de gasolina, conferimos a água do radiador e o óleo do motor antes de pegar a estrada rumo a Crixás.

Werner Weber, como um experiente caminheiro que já foi há algumas décadas atrás, não deixava de conferir a amarração da carga toda vez que parávamos para abastecimento. Além disso, durante esta viagem ele tinha a função de registrar todos os momentos desta aventura.

Não podíamos perder o pique e por isso mesmo que ultrapassagens estratégicas foram realizadas com sucesso e dentro dos limites de segurança (70 km/h). Mas às vezes, o veículo “concorrente” diminui a velocidade para ver a nossa Mary Lou passando e aproveitamos este momento para ultrapassar.

O caminho era longo, retas intermináveis, sol forte e com temperatura superior a 35°c. Seguimos o nosso caminho tranquilamente e sem pressa para chegar. Mary Lou nunca esteve tão também e fez todo o percurso tranquilamente, sem grandes preocupações.

Deixe uma resposta

Nome*
Email*
Url
Sua mensagem*