Casa Nova

Expedição Na Estrada

Cansados de gastar o nosso suado dinheiro com hospedagem em pousadas e hotéis durante as nossas viagens, eu e Júlia resolvemos investir na compra de uma casa nova e aumentar o nosso espaço dentro da Mary Jane.
Durante o mês de março, eu (André) fui até a Camping’s World (Barracas Automotivas), em São Paulo-SP, para fazer a instalação da nossa casa nova, bem em cima do teto da Mary Jane. Como Júlia estava ocupada com o trabalho, ela seguiria para São Paulo na sexta-feira (20) de ônibus e nos encontraríamos na capital paulista somente no sábado, pela manhã.
Saí de Belo Horizonte na manhã de quinta-feira (19) e viajei até a cidade de Aparecida-SP, onde iria pernoitar. Aproveitei esta parada em Aparecida para fazer uma visita a Basílica de Nossa Senhora de Aparecida, afinal, 2015 é o ano que Mary Jane completa 50 anos e não poderia deixar de agradecer por este cinquentenário e pedir proteção para as nossas viagens.
Na sexta-feira (20) juntei a minha bagagem e após o café, eu e Mary Jane voltamos para a estrada rumo a capital paulista. Chegamos a fábrica da Camping’s World ainda pela manhã e lá fiquei conhecendo os simpáticos proprietários Douglas e Ilka.
Como a montagem da nossa barraca estava agendada para a sexta-feira, procurei chegar cedo, pois não queria causar nenhum atraso. Mas ao chegar lá, eles estavam atendendo um família de viajantes que também faziam a instalação da barraca automotiva e que, por uma confusão interna, a barraca desta família de viajantes não ficou pronta a tempo e tiveram que confeccionar alí, na hora.
Vou confessar a vocês que fiquei impressionado com a Camping’s World. Imaginava que era uma fábrica com diversos profissionais, produção em larga escala, toda aquela confusão de uma grande empresa. Mas ao chegar lá, pude ver que não era nada disso e em pleno centro econômico do nosso país, ainda existe empresas que fazem um trabalho artesanal e com uma qualidade de deixar qualquer grande empresa para trás.
Como a nossa barraca não poderia ser instalada na sexta, Douglas e Ilka me convidaram para pernoitar na própria fábrica, pois a nossa casa nova seria instalada somente na manhã de sábado. E como não poderia deixar de ser, foi uma estadia perfeita, pois aproveitamos o tempo para conversamos, sair para jantar com outros amigos e é claro, dormir dentro da Mary Jane…
No sábado, pela manhã, Júlia chegou a fábrica e ficamos lá até as 16hs. Seguimos de volta para Belo Horizonte, mas como saímos tarde de São Paulo, acabamos pernoitando em Aparecida novamente e no domingo, seguimos para a capital mineira.
Fica aqui o nosso agradecimento ao Douglas e a Ilka por nos receberem em sua “casa” e nos proporcionar momentos inesquecíveis dentro da nossa casa nova. Se já estávamos felizes com o conforto interno da Mary Jane, podemos dizer que agora estamos ainda mais felizes com o nosso “duplex ambulante”.

Deixe uma resposta

Nome*
Email*
Url
Sua mensagem*